Carreira (Parte 1): Microempreendedorismo.

Olá Lindeusas!
Tudo bem com vocês? Espero que sim!

Nosso post de hoje é sobre “Micro empreendedorismo”, para aqueles (as) que pretendem abrir sua própria empresa, colocar ideias e sonhos na estrada da realização.

cada-sonho-que-voce-deixa-para-tras-e-um

Quantas e quantas vezes sonhamos em fazer algo, realizar um desejo e deixamos pra depois??? Inúmeras vezes não é mesmo!

Quando se trata de negócios não é diferente, vamos dando prioridade a outras coisas e quando percebemos os anos se passaram e…

empreendedor

Todo mundo pode e deve realizar seus sonhos em qualquer época. Para isso trago informações para o pontapé inicial. Fique de olho na sequências deste tema!

O que é Microempreendedorismo individual?

“Microempreendedor individual (MEI) é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para ser um microempreendedor individual, é necessário faturar no máximo até R$ 60.000,00 por ano e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular. O MEI também pode ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria.”

Quais as vantagens de se registrar?

positivo

“Entre as vantagens oferecidas por uma lei complementar, está o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o que facilita a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos e a emissão de notas fiscais.

Além disso, o MEI será enquadrado no Simples Nacional e ficará isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Assim, pagará apenas o valor fixo mensal de R$ 40,40 (comércio ou indústria), R$ 44,40 (prestação de serviços) ou R$ 45,40 (comércio e serviços), que será destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Essas quantias serão atualizadas anualmente, de acordo com o salário mínimo.

Com essas contribuições, o Microempreendedor Individual tem acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria, entre outros.”

Ótimo. Mas como começar?

duvida

“A formalização do Microempreendedor Individual poderá ser feita de forma gratuita no próprio portal, no campo “formalize-se”.

Após o cadastramento do Microempreendedor Individual, o CNPJ e o número de inscrição na Junta Comercial são obtidos imediatamente, não sendo necessário encaminhar nenhum documento (e nem sua cópia anexada) à Junta Comercial.

O Microempreendedor Individual também poderá fazer a sua formalização com a ajuda de empresas de contabilidade que são optantes pelo Simples Nacional e estão espalhadas pelo Brasil. Essas empresas irão realizar a formalização e a primeira declaração anual sem cobrar nada.” (Fonte: Portal do empreendedor)

Agora, caros leitores, busquem seus sonhos e seja feliz! 😉

Para saber mais acesse:  http://www.portaldoempreendedor.gov.br/mei-microempreendedor-individual

Bjos da Pri ❤

Anúncios

Um comentário sobre “Carreira (Parte 1): Microempreendedorismo.

Deixe um comentário para o Prima Conta Tudo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s